6i60pdla5c4a7ei5ojad1ay6whlp8a
Buscar
  • A Herbalista

Stévia - Sim, agora podemos comer doces!!!

O diferencial da Stévia é que sua origem é totalmente vegetal e não tóxica, diferente de outros adoçantes que trazem compostos químicos em suas fórmulas. Isso torna a stévia o principal substituto do açúcar, pois se mostra eficaz no controle de peso e nutrição do pâncreas, já que ajuda a manter normais os níveis de glicemia. Além disso, consumir produtos a base de Stévia, podem reduzir cáries e diminuir sangramentos na gengiva.

Os adoçantes encontrados a venda não são muito saborosos, sempre deixam um gostinho amargo; por isso a Stévia está cada vez mais famosa, pois seu sabor é idêntico ao do açúcar, no entanto tem 0 calorias.

A preferência pelo doce se desenvolve já na infância e se estende pela vida adulta, e isso acontece de forma natural e individual. Isso quer dizer que uns gostam mais e outros gostam menos de doce, embora todo paladar seja receptivo ao seu gosto. Com isso a preocupação pelo desenvolvimento de produtos com capacidade de adoçar, mas sem os malefícios do açúcar, cresceu. Isso envolve uma gama de adoçantes disponíveis no mercado que contêm os chamados edulcorantes intensos, que adoçam mais que o açúcar, como o aspartame, a sacarina, a sucralose e o glicosídeo steviol. E o melhor é que mesmo sendo mais doce, a Stévia não causa diabete e não contém nenhuma caloria sequer. O nível de açúcar no sangue não é alterado, ela não é tóxica, não apresenta em sua composição nenhum ingrediente artificial, pode ser usada para cozinhar e ainda é capaz de inibir a formação de cáries nos nossos dentes.


Mas se você acha que pára por aí, está muito enganado. Além de tudo isto ela ainda apresenta outras propriedades curativas e por isto é bastante utilizada pela medicina alternativa. Os índios a utilizaram por centenas de anos em seus remédios para curar enfermidades.

Como se não bastasse, as folhas da Stévia são altamente nutritivas, contendo vários nutrientes deficientes na alimentação diária, entre eles Sais minerais como: Alumínio, Cálcio, Cromo, Cobalto, Flúor, Ferro, Magnésio, Manganês, Fósforo, Potássio, Selênio, Sódio, Estanho, Zinco. E vitaminas como: Ácido ascórbico (vitamina C), Beta-caroteno (precursor vitamina A), Niacina, Riboflavina, Tiamina (vitaminas do complexo B).


AÇÚCAR NATURAL O que faz a Stevia ser tão atraente é que o corpo humano não digere e nem metaboliza este glicosídeo, o composto que dá o sabor doce, então não obtemos calorias da Stévia. Além disso, o glicosídeo não se modifica no trato intestinal, por isso a planta possui índice glicêmico igual a zero.

ORIGEM DO USO DA STÉVIA


O uso da Stévia como açúcar e planta medicinal começou há séculos atrás, com os índios Guaranis que viviam nas Florestas Tropicais do Brasil e Paraguai. Os nativos a usavam para reduzir o gosto acentuado da erva-mate e para refrescar a boca.

Há relatos de que o curandeiro da tribo a usava para combater sintomas de desconforto abdominal e pessoas que apresentavam fadiga física ou emocional, provavelmente portadores do que conhecemos hoje como diabetes.


A planta também se difundiu do outro lado do mundo, em países como Coréia, Tailândia e Japão. Por meio de estudos realizados no último século, consumidores ingeriam de 5 a 10 gramas diários de Stévia, o que é uma quantidade significativa, mas mesmo assim a planta não se mostrou nociva à saúde. O Japão adotou a planta como adoçante natural há 30 anos e também não produziu registros de efeitos colaterais.


CHEGA DE NÃO PODER COMER DOCES!!! A natureza vive nos presenteando, e a Stévia é um desses doces presentes para nós. Com capacidade de adoçar 300 vezes mais que o açúcar, a planta não possui calorias e é diurética. Sua ação hipoglicêmica estimula a secreção de insulina, reduzindo o nível de glicose no sangue. Por isso alimentos adoçados com stévia podem ser muito importantes na dieta de diabéticos.

POTENCIAIS BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE


Os glicosídeos steviol permitem aos consumidores usufruir de um sabor doce sem aumentar a ingestão diária de energia, uma vez que não contêm calorias, isso é uma eficiente ajuda no controle de peso. E sem deixar de sentir o verdadeiro sabor de açúcar!

Conheça os benefícios medicinais da planta:


- É utilizada por hipertensos para controlar a pressão arterial;

- Apresenta-se um ótimo remédio contra a indigestão;

- Muito utilizada no tratamento de candidíase;

- Acelera a cicatrização de herpes labiais;

- Ajuda a manter a higiene bucal e estanca sangramentos na gengiva;

- Ela ajuda a aumentar a imunidade pois contém muitas vitaminas e Minerais;

- Pode ser utilizada no tratamento dos sintomas de gripes e resfriados;

- Cura fadigas e mal estar em geral;

- No uso externo ela faz sarar queimaduras, cortes e outros problemas de pele – com a vantagem de não deixar cicatriz;

- Também pode ser utilizada externamente para o combate à acne;

- Ótima na luta contra a obesidade, pois diminui a vontade de comer carboidratos;

- É ótima para quem está tentando se livrar de vícios como o álcool e o tabaco, pois o seu - consumo faz diminuir a vontade de ingerir estas drogas lícitas;

- Previne e ajuda a controlar a diabete;

- Ajuda no equilíbrio da energia mental e física.


*** Deixo também claro que a Stévia é livre de fenilalanina, pois existem indivíduos com uma doença genética rara, conhecida como fenilcetonúria (PKU), que devem controlar a ingestão de fenilalanina, não podendo consumir nem adoçantes.

*** A Stévia não perde suas propriedades em qualquer tipo de cozimento, então, mãos à obra!

Stévia ao redor do mundo

A Stévia é ainda hoje cultivada na América Latina, mas o mercado de produção é agora liderado por países asiáticos. A China é o maior produtor de Stévia do mundo, enquanto o Japão e a Coreia são atualmente os maiores mercados de extratos de Stévia. Recentemente, os EUA, a Austrália e a Nova Zelândia autorizaram a presença de preparados com Stévia como ingrediente de alimentos e bebidas, à venda nos seus mercados. Na Europa podemos encontrar Stévia em todos os supermercados, juntamente com todos os tipos de açúcares.




Saúde a Todos!

A Herbalista - Terapia do Estilo de Vida - naturopatia.aherbalista@gmail.com

20 visualizações
  • telegram icone
  • whatsapp_aherbalista
  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • YouTube
  • messenger icone
  • Instagram

 - International Knowledge of Food, Herbs & Health -

© 2020  A Herbalista